Comissão aprova proposta que autoriza atividade da vaquejada

Compartilhe nas redes sociais:

Câmara dos Deputados aprova a  PEC 304/2017

Foi aprovada nesta quarta-feira (26), na Comissão Especial da PEC 304/2017 em discussão na Câmara dos Deputados, a proposta que autoriza a atividade da vaquejada como expressão artístico-cultural e patrimônio cultural imaterial Brasileiro, assegurada sua prática como modalidade não só esportiva, mas como fonte de emprego e renda à população.
Membro da comissão, o deputado federal Cacá Leão (PP/BA) votou a favor do relatório do deputado Paulo Azi (DEM/BA), que foi aprovado por 20 votos.

Isso mostra nosso interesse por uma das atividades que mais movimenta a economia e expressa cultura no nosso nordeste e na Bahia”, ressaltou o deputado Cacá Leão.

Números atuais da Vaquejada, segundo dados das Associações de Esportes Equestres do Brasil:
– Giro de R$ 600 milhões por ano;
– 120 mil empregos diretos;
– 700 mil empregos indiretos;
– 650 milhões de pessoas circulantes por ano;
– Cerca de quatro mil vaquejadas por ano;
– É o esporte que mais cresce no Brasil;
– É o maior esporte em número de público no nordeste.

A proposta segue agora para apreciação do Plenário da Câmara dos Deputados.

Fonte: ASCOM – DEPUTADO FEDERAL CACÁ LEÃO (PP/BA)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *