Lauro: polícia autua 21 presos de delegacia por matarem colega de cela

Foram autuados em flagrante, por homicídio de um dos custodiados, 21 presos da 27ª Delegacia Territorial (DT) de Itinga, em Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador. O fato ocorreu no último sábado (1º).
A vítima, identificada como Osias Santos de Oliveira, foi espancada até a morte, após um dos presos o acusar de ter estuprado uma mulher.
De acordo com a Polícia Civil, Osias estava preso desde o dia 21 de junho, quando teve um mandado de prisão cumprido por tentativa de roubo, na qual a vítima foi esfaqueada. A polícia afirma também que não há registro de estupro na ficha dele, porém ele respondia por outros assaltos e um homicídio.
Ao G1, a delegada Elaine Laranjeira, titular da 27ª DT, informou que os custodiados começaram a cantar para abafar os gritos de Osias, enquanto o espancavam. Quando ele parou de se mexer, os presos chamaram os policiais. A perícia foi acionada e constatou que a vítima apresentava sinais de estrangulamento, além das marcas de agressão.
Um inquérito foi instaurado para apurar o fato, 28 presos foram interrogados e 21 deles vão responder pelo crime. Eles já tiveram as prisões convertidas em preventiva e tiveram sua transferência solicitada para o sistema prisional.
Fonte: Bocão News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *