Economia Solidária é tema de 1º seminário realizado em Lauro de Freitas

Compartilhe nas redes sociais:
Blog do Lau

Sucessagem News

A Prefeitura Municipal de Lauro de Freitas (PMLF), através da Secretaria de Trabalho, Esporte e Lazer (Setrel), promoveu nas últimas quinta e sexta-feira (28 e 29), o 1º Seminário de Economia Solidária, com importantes palestras para quem participou da atividade no auditório da Unime.

No ato de abertura, estiveram presentes a prefeita Moema Gramacho; a deputada federal, Alice Portugal; a secretária de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte do Governo do Estado, Olívia Santana, o superintendente de Economia Solidária do Governo do Estado, Milton Barbosa; o secretário da Setrel, Uilson de Souza; vereadores, secretários municipais, além da coordenadora da Rede de Gestores da Economia Solidária, Sandra Faé e o secretário de Economia Solidária de Maricá , André Braga, que apresentou uma palestra sobre a experiência do município da Região Metropolitana do Rio de Janeiro com a política pública.

Blog do Lau

Já na sexta-feira, teve palestras do superintendente de Economia Solidária do Estado, Milton Barbosa, e do secretário da Setrel, Uilson de Souza. Para fechar com chave de ouro a atividade, a coordenadora, Sandrá Faé, esclareceu aos presentes sobre o desafio da institucionalização da economia solidária e a proposta de marco regulatório para Lauro de Freitas. Foram feitos ainda grupos de trabalho, para que os participantes expusessem suas opiniões sobre o tema e ficou firmado um novo encontro no dia 15 de dezembro para que seja finalizada a proposta do Marco Regulatório da Economia Solidária de Lauro de Freitas, construída de forma coletiva pela sociedade civil e a gestão municipal e que será apresentada à Câmara de Vereadores.

Nesse primeiro seminário, foi formado um grupo de trabalho composto por representantes de cadeias produtivas locais, profissionais técnicos e servidores municipais com o intuito da formulação, nos próximos 60 dias, da proposta do Marco Regulatório da Economia Solidária de Lauro de Freitas. Estão no Grupo de Trabalho da Economia Solidária representantes da Cooperativa de Catadores de Lauro de Freitas, Central do Artesanato, Associação de Artesanatos, Associação de Moradores do Jardim Talismã, Comissão Pré Cooperativa de Agricultura Familiar de Areia Branca, Associação de Agricultores Novo Horizonte, AWA, Associação dos Trabalhadores Desempregados, Sem-Teto de Lauro de Freitas (ATDSTLF), UNI CASTELÃO, ACEB, Rede de Gestores de Economia Solidaria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *