Lauro de Freitas receberá show e oficina da Caravana da Música

Compartilhe nas redes sociais:

Com show do Samba Chula João do Boi, projeto acontecerá na Praça da Matriz, no dia 16 de dezembro em Lauro de Freitas
Depois de percorrer seis municípios, a Caravana da Música chegará a Lauro de Freitas, no dia 16 de dezembro, sábado, com apresentação única do Samba Chula João do Boi, às 16h, na Praça da Matriz. Além do show, gratuito e aberto ao público, neste dia será oferecida a oficina Samba no Pé e Samba na Mão, ministrada pelos músicos do grupo, na Casa Paroquial Santo Amaro de Ipitanga, das 9h às 12h. Realizado pela Maré Produções Culturais, com patrocínio da Vivo e Governo da Bahia, por meio do Fazcultura, programa de incentivo fiscal da Secretaria da Fazenda e da Secretaria de Cultura do Estado, o projeto conta com o apoio institucional da Prefeitura Municipal de Lauro de Freitas por intermédio da Secretaria de Cultura e Secretaria de Governo do município.
A oficina contará com 30 vagas e é aberta a músicos, estudantes e pessoas interessadas em mergulhar no universo do samba chula e nas raízes da Música Popular Brasileira. Para participar, as pessoas interessadas deverão enviar email, com dados (nome completo, RG, idade) para contato@mareproducoes.com.br
O Caravana da Música já passou por Senhor do Bonfim, Juazeiro, Vitória da Conquista, Lençóis, Itacaré e Ilhéus. Em janeiro, o projeto passará por Euclides da Cunha, Cachoeira e Santo Amaro, recebendo apresentações de nomes como Bando Velho Chico, Grupo Botequim, Lucas Santtana.
Samba Chula – O Samba Chula João do Boi foi criado em 2015 pelo líder João Saturno, mais conhecido como João do Boi, após deixar o Samba Chula de São Braz, grupo que ele fundou com seu falecido irmão Alumínio em 1995. João do Boi é um dos maiores representantes da tradição oral do Samba de Roda do Recôncavo, que é reconhecido pela UNESCO como Patrimônio Imaterial da Humanidade, desde 2005. Com seu pandeiro em punho João do Boi e seu grupo entoam um repertório ímpar de chulas autorais e de domínio público que cantam o samba, a viola e a mulher. E também retratam a vida do trabalho da roça e do mar. São chulas lúdicas, piadas e conselhos irônicos, em pequenas parábolas ironizando situações e tragicômicas da vida cotidiana de São Braz, uma vila da cidade de Santo Amaro-Bahia, terra de Caetano Veloso, Maria Bethânia, Roberto Mendes e outros artistas.
Direto da comunidade de São Braz, em Santo Amaro da Purificação, para o Pelourinho, o Samba Chula João do Boi traz na bagagem um grupo formado por 16 integrantes, entre homens e mulheres, com idades que começam dos 17 e vão até os 77 anos. “Minhas filhas, cunhadas, netas e netos estão aqui comigo ajudando a mostrar nosso samba de raiz, nossa cultura popular” diz João do Boi, que na propriedade dos seus 72 anos fala com convicção que o samba de roda é reconhecido.
Interiorização – Segundo o superintendente de Promoção Cultural da SecultBA, a iniciativa valoriza a produção baiana e divulga a nova geração de músicos. “O Fazcultura tem como propósito patrocinar a cultura, viabilizar os novos e também os atores já consagrados no meio cultural local. Os patrocinadores têm a oportunidade de investir em atividades dos mais diversos formatos e tamanhos. É uma grande oportunidade para as empresas ter seus nomes alinhados com produtos e eventos de qualidade”.
Para a Vivo, principal patrocinadora e forte incentivadora da cultura baiana, o projeto Caravana da Música tem relevância ao promover a diversidade musical e a valorização dos talentos locais. “Ficamos muito felizes em participar deste projeto, que promove a diversidade e a democratização da cultura na Bahia”, revela o diretor Regional Nordeste da Vivo, Renato Pontual.
Serviço
Caravana da Música ano II – Edição Lauro de Freitas
Dia: 16 de dezembro de 2017
Local: Praça da Matriz, Lauro de Freitas
Horário: 16h
Atração: Samba Chula João do Boi
Oficina – Samba no Pé e Samba na Mão
Local: Casa Paroquial – Paróquia Santo Amaro de Ipitanga/ Lauro de Freitas
Dia: 16 de dezembro de 2017
Horário: 09h as 12h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *