Neto fica dividido entre razão e emoção sobre sua candidatura

Compartilhe nas redes sociais:

Reunido com sua bancada na Câmara Municipal nesta tarde, ACM Neto (DEM) relatou sua angústia diante do dilema que se tornou sua candidatura ao governo do Estado neste ano: concluir seu mandato de prefeito mais bem avaliado do País ou se lançar na disputa e dar sua gestão ao vice Bruno Reis (MDB).
“Me dá muito medo fazer o que eu fiz por Salvador aos 39 anos de idade, e renunciar correndo o risco de não ganhar”, disse o prefeito conforme relatou um vereador em anonimato à reportagem.
“Aquela vibração que existia antes não existe mais. Ele está temeroso. Ele deixou isso visível pra quem quisesses ver”, disse o vereador em off.
Para completar o receio, ACM Neto tem consigo pesquisas que dão vitória de Rui no primeiro turno.
Apesar do desabafo, o democrata parece não ter ganhado compreensão de todos os vereadores. A maioria dos 31 aliados teria reiterado sua insatisfação com a indecisão sobre sua candidatura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *