Em êxtase, Tite destaca disciplina do Brasil para vencer Alemanha

Compartilhe nas redes sociais:

Com o triunfo sobre a Alemanha, Tite segue quase imbatível no comando da Seleção. São 19 jogos, 15 vitórias, três empates e apenas uma derrota, para a Argentina, com time misto, em amistoso disputado na Austrália em junho de 2017.

Após o amistoso em Berlim nesta terça-feira (27), Tite celebrou a disciplina da equipe. “A agressividade na saída de bola adversária foi impressionante, com todos os homens de frente pressionando. Aquilo me impressionou. Assim como a marcação no Kroos, que é o articulador para a bola chegar à frente”, disse.

O técnico destacou ainda a entrega na marcação: “Colocamos tudo o que praticamos na semana, cada um lutando pelo seu, mas todos se ajudando. O Paulinho ajudando o Dani Alves, por exemplo. Parecia que poderíamos jogar por três dias e a bola não iria entrar”.

Tite reconheceu o peso simbólico do triunfo. “O fantasminha era verdade. Eu sentia até alguma inibição em vocês (jornalistas) para falarem do resultado anterior, era constrangedor. Vai ficar marcado, é da vida, e não é porque vencemos hoje que vai deixar de ser falado”, disse.

Um dos destaques do jogo e remanescente de 2014, o zagueiro Thiago Silva celebrou a retomada da autoestima: “Estamos no caminho certo. O que mostramos foi algo a mais, motivo para orgulho. Com todo respeito à Alemanha, mas essa camisa merece um pouco mais de respeito”.

Restam dois testes para Tite antes do Mundial. No dia 3 de junho, enfrenta a Croácia, que vai para a Rússia, em Londres. Depois, no dia 10, enfrenta a Áustria, não classificada, em Viena. Os dois amistosos já serão com os 23 jogadores convocados pelo comandante para a Copa do Mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *