Moradores recebem prefeita para esclarecimentos sobre Orçamento Participativo de Vida Nova

Compartilhe nas redes sociais:

“Sempre ouço a comunidade e busco em minha gestão tomar decisões com a participação do povo”. Foi ressaltando a importância de ouvir a população que a prefeita Moema Gramacho encontrou moradores do bairro de Vida Nova, no final da tarde de sábado (14). O encontro foi um convite de delegados do Orçamento Participativo (OP) e da comunidade de Vida Nova. Após os debates, a prefeita destinou uma ambulância que funcionará como UTI Móvel na Unidade de Saúde da Família de Caji Vida Nova.
O andamento das prioridades definidas nas audiências do Orçamento Participativo, aprovadas em dezembro do ano passado, foi a pauta principal do encontro. Além do bairro de Vida Nova, OP nessa região abrange as comunidades de Caji Caixa D´Água, Quingoma, Jardim Castelhão e Jardim Ipitanga.
Depois de ouvir as demandas da população, a prefeita Moema Gramacho esclareceu o andamento dos processos do OP. “Desde que coloquei meu nome para assumir a gestão de Lauro de Freitas, trabalho diuturnamente. Há oito meses, em novembro do ano passado, definimos, a partir da escolha feita por vocês, quais seriam as obras prioritárias. Tudo que foi planejado no OP está dentro do prazo de execução. A gente planeja em um ano e realiza ao longo do ano seguinte”, explicou a prefeita.
As três prioridades eleitas pela população na audiência do OP de Vida Nova foram a construção de uma creche em Jardim Castelhão, requalificação da Praça da Mangueira e pavimentação da Rua Maria de Lourdes. Para essas demandas, a prefeita explicou que as obras estão na fase final de licitação das empresas que vão prestar o serviço. “Antes de uma obra ser feita, é preciso planejar, licitar e elaborar o projeto para execução do serviço” destacou Moema.
Segundo a prefeita, o projeto para construção da creche do Jardim Castelhão está pronto e sendo licitado. A obra será iniciada assim que for concluída a licitação. Para a requalificação da Praça da Mangueira, Moema mostrou aos moradores o projeto e as intervenções que serão feitas no local. Entre as melhorias estão a construção de uma escola, implantação de uma ciclovia, revitalização da quadra, a instalação do parque infantil já adquirido pela Prefeitura, ordenamento dos empreendimento locais além de um camelódromo. Sobre a pavimentação da Rua Maria de Lourdes, a prefeita dará ordem de serviço dentro de duas semanas.
Na avaliação da morada da comunidade do Caji Caixa D’Água, Vilma Bahia, o encontro com a prefeita foi bastante positivo. “Eu tenho uma visão muito boa do Orçamento Participativo. Hoje tivemos aqui a fala de muitos moradores que estão buscando com a prefeita a melhoria para o seu bairro. O lado positivo é que a prefeita deu a resposta que a gente precisava. Hoje eu volto para casa esperançosa e peço que a prefeita olhe mais pela comunidade do Caji. Tenho certeza que o batom vermelho dela é honrado”.
Além dos esclarecimentos sobre o andamento das prioridades do OP, a prefeita garantiu: “Estamos fazendo primeiro o que definimos como prioridade, isso não significa que vamos parar por aqui. Estou entregando agora uma ambulância que irei equipar para funcionar como UTI Móvel aqui no bairro de Vida Nova, e concluindo a mudança da Escola Príncipe da Paz que será entregue no final de agosto”, enfatizou Moema.
Participaram do encontro os secretários chefe de Gabinete, Roberto Lopes, de Infraestrutura, Vidigal Cafezeiro, e de Governo, Luiz Maciel, a coordenadora do Orçamento Participativo, Leyde Regis, os vereadores Edivaldo Ferreira, Roque Fagundes, Coca Branco, e a vereadora Débora Regis, representantes da comunidade e delegados do OP de Vida Nova.

Jornalista Laerte Santana
Fotos Rafael Magno

ASCOM Prefeitura de Lauro de Freitas
16/07/2018
71 3288 8371
www.laurodefreitas.ba.gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *