Antônio Rosalvo solicita distribuição gratuita e domiciliar de medicamentos para pessoas portadoras de transtornos mentais

Compartilhe nas redes sociais:

Na Sessão Ordinária desta terça-feira (8), o vereador Antônio Rosalvo (REDE) solicitou, através do Projeto de Lei (PL) nº 116, de 1º de outubro de 2019, a distribuição gratuita e domiciliar de medicamentos e materiais necessários à sua aplicação para as pessoas portadoras de transtornos mentais previamente cadastradas no Sistema Único de Saúde (SUS).
“O Poder Executivo Municipal, por meio da Secretaria Municipal da Saúde, realizará o cadastro das pessoas portadoras de transtornos mentais que preenchem os requisitos e requererem a entrega domiciliar”, , explica o texto de justificativa do edil.
Ainda de acordo com o documento, a entrega será realizada pelos Agentes Comunitários de Saúde em suas visitas obrigatórias e periódicas, ou por servidores públicos municipais previamente designados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *