Participação popular é destaque na última audiência do Planos de Bairro em Itinga

Compartilhe nas redes sociais:

A participação popular foi o grande destaque da 22ª audiência do “Planos de Bairro”, realizada nesta terça-feira (19), na Cozinha Comunitária de Itinga. Moradores lotaram o equipamento e contribuíram na escuta social com sugestões de melhorias para os principais problemas da região. Questionamentos foram respondidos pela prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, que fará devolutiva das demandas apontadas.
“Somos nós moradores que sentimos as necessidades do bairro. A presença da prefeita na comunidade é importante porque ela vê de perto o que a gente precisa. Uma das minhas questões foi sobre o esgoto. Não sabia que já tinha uma obra e aqui ela explicou como está acontecendo”, considerou Rita de Cássia dos Santos, moradora do conjunto habitacional Leila Diniz.
A obra de esgotamento sanitário vai cobrir 80% do município até 2023. O bairro de Itinga está 100% contemplado, como afirma a prefeita Moema Gramacho. “O esgotamento sanitário é, hoje, a principal obra em execução no município. Foi iniciada na minha segunda (2011), ficou paralisada quatros anos por ação judicial, e retomada em 2017 quando retornei a gestão”, disse. Os recursos para alcançar os 20% que totalizam a obra deverão ser captados pela Prefeitura e Governo do Estado.
Esta foi a terceira audiência realizada no bairro mais populoso do munícipio, devido a sua grande área de 3,7 Km² e mais de 16.200 residências. Na última escuta social programada pelo projeto “Planos de Bairro”, que cumpre a Lei nº 1.773/18 do Plano Diretor de Desenvolvimento Municipal (PDDM), moradores apontaram pavimentação urbana, equipamentos de ensino e esportivo e projetos sociais como as principais necessidades da região definida como Itinga 03.
Durante apresentação dos relatórios construídos nas oficinas em grupos, a Cozinha Comunitária, escolas e convivência da localidade, foram colocadas como o que têm de melhor. Transporte público, iluminação e agência de entrega de correspondências estiveram entre os problemas apontados. Sugestões de melhorias foram ponderadas com a implantação de fábricas, para gerar emprego e renda, e desenvolvimento de projetos e cursos de capacitação.
Entre as respostas da prefeita Moema Gramacho, moradores comemoraram obras de pavimentação asfáltica que serão feitas em 18 ruas do bairro com recursos garantido pelo contrato com o FINISA, além de outras que fazem parte do PAC Itinga. A inauguração da Policlínica Regional Metro Recôncavo Norte, no fim deste mês, foi outra informação aplaudida pela comunidade. A policlínica visa zerar demandas da Regulação de Saúde em Lauro de Freitas e em outros cinco municípios.
No bairro de Itinga vai ser entregue ainda este ano a Creche localizada na Avenida Fortaleza e a PEC 3000, uma praça que comporta equipamentos de esporte, saúde, cultural, tecnologia, educação e social. A valorização de trabalhadores do mercado informal será contemplada com a entrega do camelódromo em frente ao Largo do Caranguejo. Outras demandas foram debatidas democraticamente com os moradores.
A organização do “Planos de Bairro” finalizou a audiência agradecendo as contribuições da população. Todas as sugestões serão documentadas e devolvidas à comunidade como proposições urbanísticas, ambientais e paisagísticas de uma cidade pensada para os próximos 10 anos. A devolutiva das 22 audiências realizadas nos 19 bairros do município será feita no primeiro trimestre de 2020.

Jornalista Laerte Santana
Foto Danilo Magalhães
ASCOM Prefeitura de Lauro de Freitas
20/11/2019
71 3288 8371
www.laurodefreitas.ba.gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *