Prefeitura orienta população no cadastramento para recebimento de auxílio emergencial

Compartilhe nas redes sociais:

A Prefeitura de Lauro de Freitas montou um ponto de apoio com computadores e servidores municipais para orientar a população no preenchimento do cadastro para recebimento de auxílio emergencial financeiro, do governo federal. O auxílio é destinado a trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados. O ponto de apoio está funcionando no no Centro Estadual de Educação Profissional em Tecnologia, Informação e Comunicação (CEEPTIC), no Centro da cidade.

O anúncio da ação foi feito nesta quinta-feira (09), em coletiva online para a imprensa na página da Prefeitura no facebook. Durante a transmissão, a prefeita Moema Gramacho destacou as medidas que estão sendo tomadas pela administração municipal no combate ao COVID-19 e em apoio à população, como a criação de uma força tarefa para fiscalização de estabelecimentos comerciais, e de uma coordenação voltada exclusivamente ao combate do COVID-19.

A força tarefa, composta por departamentos de fiscalização de cinco secretarias municipais, foi iniciada nesta quinta-feira (9), e conta com 109 fiscais municipais de atividades urbanas, e agentes de cinco secretarias municipais, responsáveis pela averiguação do cumprimento, por parte dos estabelecimentos comerciais do município, das medidas de prevenção ao COVID-19, adotadas pela administração municipal.

Ponto de apoio
No ponto de apoio, servidores das secretarias municipais de Governo (SEGOV), do Trabalho (SETREL), de Desenvolvimento Social (SEMDESC), e de Desenvolvimento Econômico (SEDICS), informam sobre a documentação necessária para o preenchimento do cadastro, quem tem direito ao benefício, e disponibilizam computadores para o preenchimento no site da Caixa Econômica Federal (CEF) ou por meio do aplicativo caixa auxílio emergencial, sob orientação de servidores da Prefeitura.

“O objetivo da ação é oferecer suporte e tirar dúvidas das pessoas que se enquadram no perfil para o recebimento do auxílio emergencial, que não tenham smartfones ou computadores com acesso a internet, ou que tenham, mas precisem de orientação para preenchimento do cadastro”, ressaltou o secretário de governo, André Primo. Ele ainda destaca o caráter transversal da ação, que envolve quatro secretarias.

Não tem direito ao benefício menores de 18 anos, pessoas que estejam formalmente empregadas, aposentados, quem já receba benefício previdenciário, seguro-desemprego, ou faça parte de outro programa de transferência de renda federal, com exceção do Programa Bolsa Família, que poderão optar pelo auxílio emergencial, caso o mesmo seja mais vantajoso financeiramente.

Além de outras condições, que podem ser consultadas neste link https://auxilio.caixa.gov.br/#/inicio, têm direito ao benefício pessoas com renda familiar mensal, por pessoa, de até meio salário mínimo, ou renda familiar total de até três salários mínimos. Para as famílias que se enquadrem nestes perfis, e em que a mulher seja a única responsável pelas despesas da casa, o valor pago mensalmente será de R$1.200,00.

Jornalista Rodrigo Castro
Fotos: Danuilo Magalhães
ASCOM Prefeitura de Lauro de Freitas
09/04/2020
71 3288 8371
www.laurodefreitas.ba.gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *