Vigilância Sanitária de Lauro de Freitas notifica Hotel Malibu e dá prazo de 48h para interromper acolhimento de hóspedes com Covid 19

Compartilhe nas redes sociais:

A Vigilância Sanitária de Lauro de Freitas realizou fiscalização do Hotel Malibu, em Vilas do Atlântico, no sábado (11), exigiu documentos e informações e deu um prazo de 24 horas para o hotel responder. Retornou na segunda (13) para receber as informações e após análise dos documentos, notificou o estabelecimento para providenciar interrupção do serviço de acolhimento como unidade de isolamento para doenças infectocontagiosas, de acordo com a Lei municipal 945/2000 e Lei estadual 3982/1981 em vigência.
Os técnicos da Vigilância, que estiveram no local nesta terça-feira (14), solicitaram que o hotel comunique ao Governo do Estado para providenciar a transferência dos atuais hóspedes, nessa circunstância, no prazo de 48 horas.
Na recusa do recebimento por parte da representante do hotel e diante de testemunhas a notificação foi colocada por debaixo da porta.
A prefeita Moema Gramacho, que desde o anúncio da utilização do hotel como ponto de acolhimento de profissionais da saúde atingidos pelo coronavirus se empenha na busca de local mais adequado, informou que já apresentou ao Governo do Estado duas opções.
“Louvo o Governador do Estado por sua atitude de proteção e respeito aos trabalhadores da saúde, verdadeiros guerreiros que colocam em risco suas vidas para salvar as nossas, e por conta disso apresentei propostas para que o governador possa atender aos seus nobres objetivos”.

ASCOM PMLF
14/04/2020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *