lauro de freitasnotíciaspolítica

Com cinco óbitos em 24 horas, Lauro de Freitas intensifica fiscalização das novas medidas de prevenção contra a Covid-19

0

Mais de 150 pessoas orientadas, cinco veículos abordados e oito estabelecimentos comerciais notificados, dois deles fechados. Esse foi o saldo da primeira noite de fiscalização dos decretos – estadual e municipal – que definiram as novas restrições para o funcionamento de estabelecimentos comerciais e de circulação noturna em Lauro de Freitas.
O município, que registra curva crescente de pessoas infectadas pelo coronavirus e 100% dos leitos destinados ao atendimento ocupados, emitiu um alerta à população para que reforcem as medidas de prevenção. Boletim Epidemiológico desta sexta-feira informa a morte de mais cinco pessoas, totalizando 170 óbitos, 1.844 casos ativos e 34 pessoas internadas.
A Força Tarefa composta por profissionais da Guarda Municipal, das secretarias de Meio Ambiente; Trânsito e Desenvolvimento Urbano, além da Polícia Militar estiveram nos bairros de Ipitanga, Vilas do Atlântico, Buraquinho, Miragem, Portão, Centro, Pitangueiras, Itinga, Capelão, Jambeiro, Capiarara e Quingoma, para garantir o cumprimento do decreto que restringe a circulação de pessoas e veículos das 22h às 5h, entre os dias 19 e 25 de fevereiro.
A maioria das ocorrências com estabelecimentos comerciais foi registrada na área de Vilas do Atlântico. De acordo com o coordenador da Operação, Daniel Lopes, as pessoas abordadas foram orientadas a voltarem para casa e informadas que quem insistisse em descumprir as normas seria multada por infração sanitária. A multa varia de R$ 158 a R$ 1.078 e serão direcionadas para medidas inerentes ao enfrentamento da emergência de saúde pública decorrente da pandemia do coronavírus (Covid-19).
Com um efetivo de mais de 40 profissionais, a Força Tarefa continuará atuando neste final de semana. Além da Operação Restrição de Circulação Noturna, o CIMU – Centro Integrado de Mobilidade Urbana funciona 24h para receber denúncias do descumprimento do decreto e poluição sonora. O CIMU pode ser acionado através dos números (71) 3369-3710 ou 156 e pelo WhatsApp 98153-4034.

Jornalista Mariana Cedrim
Fotos Natanael Kiss
ASCOM/PMLF
20/02/2021
Tel.: 3288 8371

Doze pessoas são autuadas no primeiro dia do toque de recolher

Artigo anterior

Moradores do Caji comemoram obras de pavimentação entregues pela Prefeitura neste sábado (20)

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *