Com 24 mil mamografias agendadas, ação do Outubro Rosa da Sesab confirma sucesso

0
155

Todas as 24 mil vagas para realização de mamografia e 4.500 para consultas com mastologista e ginecologista ofertadas pela Secretaria da Saúde do Estado em parceria com as Voluntárias Sociais da Bahia durante o mês de outubro foram preenchidas. A ação do Outubro Rosa teve início no último dia 01. Os exames estão sendo realizados em unidades móveis estacionadas em pontos estratégicos, como Uneb do Cabula, Salvador Norte Shopping, Cajazeiras e Vila Militar dos Dendezeiros.

No interior baiano, as mamografias estão sendo feitas nas Policlínicas Regionais de Saúde. A coordenadora do Programa de Rastreamento do Câncer de Mama da Sesab, Jane Glaucia, explica que no dia do exame deve ser levado o RG, CPF, Cartão do SUS e comprovante de residência. Não é necessária a requisição médica para a mamografia. “É importante que as mulheres que agendaram o seu exame, compareçam no dia e local marcado com a documentação necessária”.

A secretaria da Saúde do Estado, Roberta Santana, aponta como um dos fatores do sucesso da ação a baixa oferta do exame na capital baiana, gerando uma demanda reprimida. “Dos 16.123 exames de mamografia realizados em 2023, 11.172 foram feitos na Policlínica de Escada, no Centro Estadual de Oncologia e no Hospital Estadual da Mulher. É impressionante a produção das unidades estaduais, pois das 17 existentes que realizam mamografia, 12 estão sob gestão municipal, sendo que algumas delas nem contabilizam 10 procedimentos no ano”, afirma.

Ao longo do ano, a Secretaria da Saúde do Estado oferta o exame tanto em unidades móveis que percorrem todas as regiões do estado, quanto em unidades fixas de saúde, como as Policlínicas Regionais de Saúde. As 23 instaladas no interior do estado, desde novembro de 2017, quando a primeira policlínica foi inaugurada, já realizaram quase 280 mil exames do tipo.

Segunda etapa

Além da realização da mamografia e consultas, a Sesab garantirá a realização de exames complementares das pacientes que por ventura tenham alguma alteração detectada durante o exame do rastreio. “Caso necessário, serão feitos exames confirmatórios e, em casos positivos, as pacientes terão à disposição as unidades de oncologia, inclusive no interior do estado como Irecê, Porto Seguro e Juazeiro”, afirma a secretária da Saúde do Estado, Roberta Santana.

==

fotos: Leonardo Rattes / Saúde GovBA

Aladim Locutor

Leave a reply