Desfile dos Cangaceiros de Ipitanga será marcado por novidades no São João 2024

0
198

O movimento cultural terá como tema: “O cangaço canta o cordel nas terras de Ipitanga”

O movimento cultural Cangaceiros de Ipitanga desfilará no dia 24 de junho, com concentração a partir das 11h, na Rua São João, no Centro, em Lauro de Freitas. Este ano, uma das novidades será o tema: “O cangaço canta o cordel nas terras de Ipitanga”. A grade de atrações conta com a Banda Forrozão Cupim de Ferro, o cantor Raid Neto (ex – Calcinha Preta) e atrações locais.

Além das grandes atrações, os Cangaceiros de Ipitanga inova este ano, com a quadrilha junina, Imperatriz do Forró, que foi a vice-campeã do Campeonato Estadual de Quadrilhas Juninas da Bahia, com o tema: “A volta do Rei”. E fará uma linda comissão de frente, durante o desfile do movimento cultural, pelas ruas da cidade.

Um dos mais tradicionais movimentos de cultura nordestina, os Cangaceiros de Ipitanga, completa este ano treze anos de existência. Fundado pelo movimentador cultural, Edivaldo Ferreira da Silva, mais conhecido como Edivaldo Palhaço.

Os Cangaceiros de Ipitanga nasceram como uma ala do mais antigo bloco da cidade, o Arrasta Jegue. Apenas em 2011, que virou um bloco independente, formado por moradores da Rua São Jorge. Segundo Edivaldo, além de embelezar o São João de Lauro de Freitas, os Cangaceiros fomentam a cultura do povo nordestino, além de ter uma identidade com cangaço brasileiro, como expressão da paz”, definiu

Durante o desfile, 400 lampiões, 100 Marias bonitas e cerca de 1000 seguidores do cangaço, abrilhantam a manifestação cultural, que passa pelas principais ruas, do centro.

Raied Neto
Nascido em Canindé-Ce, Neto passou por bandas como Cavalo de Pau, Forró Brasil, Calcinha preta e Amor real. Mas foi na banda sergipana Calcinha Preta, que Neto passou 09 anos e com seu talento, carisma, humildade e claro sua beleza, contagiou milhares de fãs por todo o Brasil. Além de ótimo cantor ele, também, é um grande compositor. Dentre suas composições destacam-se “Segredo”, “Cara a Cara” (Interpretada por Berg Rabelo),”Quebra-Cabeça”, “Cansei”, dentre outras…

Cupim de Ferro
Idealizada pelo produtor musical Mario César (Cesinha). A banda, ao longo desses 10 anos, se destaca no cenário musical, com repertório animado e contagiante, tendo como carro chefe o tradicional ritmo arrasta-pé, resgatando a cultura do verdadeiro forró, mas sempre agregando à um repertório versátil e estilizado.

Nos vocais, a banda conta com a expediência e carisma dos cantores Jaqueline Torres, Leoh Alves e Kiko Mendes, que por onde passa fazem o público literalmente levantar poeira.

Economia Solidária
Durante os preparativos, toda a comunidade é envolvida no processo. Diante do desemprego e dificuldade em gerar renda são utilizados artesões, costureiras, produção de licor, além das pessoas que são envolvidas nas equipes de vendas, decoração e produção.

Números
Para o desfile dos Cangaceiros de Ipitanga são produzidos anualmente:

  • 300 Coletes
  • 300 Camisas
  • 400 Lenços
  • 400 Chapéus
  • 400 Cartucheiras
  • 120 Calças
  • 300 Blusas
  • 100 Cintos
  • 100 saias
  • 1000 Camisas (Seguidores do Cangaço)

Aladim Locutor

Leave a reply