Jerônimo pausa agenda de carnaval para visitar áreas atingidas pelas chuvas em Medeiros Neto.

0
115

Em plena segunda-feira (12) de Carnaval, o governador Jerônimo Rodrigues foi ao extremo sul baiano, para verificar os estragos provocados pelas chuvas que atingiram os municípios nos últimos dias. Após agenda em Teixeira de Freitas, o governador seguiu para Medeiros Neto, onde realizou um sobrevoo para inspecionar as áreas atingidas e autorizou a elaboração de um projeto para a construção da barragem do Rio Itanhém.

 “Hoje eu tirei o dia para visitar o extremo sul atingido pelas fortes chuvas, assim com fiz na semana passada. Aqui estamos atuando com o Corpo de Bombeiros, a Defesa Civil e as diversas secretarias estaduais responsáveis para dar o apoio necessário para as prefeituras e comunidades afetadas. Aqui autorizei os estudos para a criação da barragem, que além de servir para armazenar água irá garantir a segurança das comunidades durante os períodos de chuvas mais intensas”, destacou o governador.

Com a autorização, a Secretaria Estadual de Infraestrutura Hídrica e de Saneamento (Sihs) poderá iniciar o processo licitatório para elaboração do projeto, com a Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb) responsável pela obra. Os municípios beneficiados serão Medeiros Neto, Alcobaça e Teixeira de Freitas, com um investimento inicial de aproximadamente R$ 1,2 milhão.

Chuvas

De acordo com a Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec), as chuvas afetaram 250 estruturas, incluindo residências, centros de saúde, escolas e outras instalações públicas e comunitárias, além do sistema de esgotamento sanitário. Como resultado, 10 famílias ficaram desalojadas.

“A Sudec está atuando na região com ajuda humanitária, com cestas básicas, colchões, lençóis, cobertores, água mineral, buscando dar o mínimo de conforto às pessoas nesse momento de grande desafio e agora principalmente com esse olhar apurado do governador, buscando ver também que medidas podem ser tomadas para que situações estruturais possam fortalecer a cidade e preparar melhor para outros momentos como esse que certamente acontecerão de forte chuva aqui na região”, afirmou Heber Santana, superintendente do órgão.

Ações

Para o pronto restabelecimento da situação, foi montada uma operação conjunta envolvendo diversos órgãos do estado, como as Secretarias da Saúde (Sesab) e de Assistência e Desenvolvimento Social (Seades), Sudec, Polícia e Corpo de Bombeiros Militares.

Entre as medidas urgentes e prioritárias estão a transferência de recursos financeiros Fundo a Fundo para o pagamento de alimentação, aluguel social, aquisição de itens domésticos, transporte e emissão de documentação civil. Além disso, há apoio para cadastramento das famílias afetadas, prorrogação da vigência do Alimenta SUAS Bahia até 31/12/26 e homologação do decreto municipal de “Situação de Emergência”.

Outras ações incluem a entrega de cestas básicas, lençóis e colchões, kits de higiene pessoal e garrafas de água potável, bem como medicamentos e manutenção no sistema de abastecimento de água e produção de alimentos para desabrigados.

As forças militares auxiliam no monitoramento e orientação à população, apoio na entrega de donativos, orientação e prevenção em áreas de risco e vistorias. Na Rua Ibirajá, carinhosamente chamada de Rua do Pó, Jerônimo conversou com moradores que relataram os problemas enfrentados com o excesso de água.

Repórter: Anderson Oliveira/GOVBA
Fotos: Mateus Pereira/GOVBA

Aladim Locutor

Leave a reply