Prefeitura de Lauro de Freitas mobiliza recursos e assistência em resposta ao incêndio em um aterro na região de Quingoma

0
177

O incêndio que afetou uma área próxima e o aterro de podas e entulhos no bairro de Quingoma, em Lauro de Freitas, encontra-se sob controle. O Corpo de Bombeiros da Bahia está atuando no local desde a última segunda-feira (30), quando os focos de incêndio tiveram início. Nesta sexta-feira (3), o Corpo de Bombeiros, em parceria com a Prefeitura Municipal, realizou uma vistoria completa em toda a área afetada. A causa do incêndio está sendo investigada pelos órgãos competentes. 

Desde que tomou conhecimento do incêndio no primeiro dia, a prefeita Moema Gramacho acionou os comandos do Corpo de Bombeiro, a Polícia Militar, além do responsável da Ecoma Ambiental (empresa licenciada para tratamento de resíduos sólidos da construção civil e poda), que teve parte de sua área afetada pelo incêndio. As Secretarias Municipais de Desenvolvimento Social (Semdesc), Educação (Semed), Trânsito (Settop), Serviços Públicos (Sesp), Saúde (Sesa) e Infraestrutura (Seinfra) também foram acionadas. 

Durante toda a noite e madrugada do primeiro dia a Prefeitura fez várias tentativas pra que as famílias deixassem o local cuja fumaça ia na direção das casas pra evitar problemas de saúde, colocando transportes e infraestruturas à disposição pra que as famílias fossem pros abrigos que foram disponibilizados, mas ninguém quis sair de suas casas e preferiram ficar lá. No dia seguinte mais uma vez as Equipes do Social e da Saúde estiveram no local e disponibilizando também o bolsa aluguel pra que saíssem da área de fumaça e sem sucesso. Ninguém quis sair. 

Então, em contato com o Comandante do Corpo de Bombeiros a Prefeita marcou pra acompanhar a ação com mais de 40 Bombeiros pra buscar apagar resquícios de incêndios que por ventura estivessem embaixo do aterro e para tanto disponibilizou mais de 5 retroescavadeiras pra volver a terra e ajudar a resfriar e apagar o que ainda poderia estar queimando. 

Durante visita ao local, a prefeita ainda conversou com as famílias que moram próximo ao aterro. “Conversamos com as famílias da região e disponibilizamos nossa equipe de assistência social para auxiliar em caso de novos focos de incêndio e fumaça nas residências. Estamos oferecendo abrigos seguros, bem como o Bolsa Aluguel para quem desejar. A equipe do social vai permanecer aqui para fazer os cadastros daqueles que queiram sair. Infelizmente, até agora ninguém optou por sair, isso desde o primeiro dia. Alguns, inclusive, preferiram permanecer em suas casas, mesmo com a presença de fumaça”, relatou. A prefeita determinou que a ambulância e os profissionais de saúde fizessem o acompanhamento de todos  os moradodores das casas que estiveram expostas à fumaça. 

Moema reforçou o apelo para os moradores. “Eu vim, hoje, buscar fazer essa sensibilização e dizer para as famílias que nossas equipes estão à disposição de qualquer um que queira  ir para os abrigos, para ficarem temporariamente enquanto buscam uma casa para alugar dentro da nossa proposta do Bolsa Aluguel”, finalizou. 

Ao lado da prefeita, o comandante do Corpo de Bombeiros Militar da Capital e Região Metropolitana de Salvador (CRBMCRMS), coronel Aloísio Fernandes, relatou que os focos de incêndio estão sob controle. “A possibilidade de extensão do incêndio é bem reduzida, nós temos ainda muitos focos de calor, mas o trabalho de revolver toda a massa sólida para liberar calor está surtindo efeito e não há quase nenhuma possibilidade de expansão desse incêndio. Não obstante, a gente permanece aqui com as equipes para um eventual ressurgimento de foco de combustão”, disse o comandante ao afirmar que o risco de explosão no local é remoto, ou seja, é muito difícil ter uma explosão por conta de ser uma área muito grande e aberta. 

Bem como o representante da Ecoma mostrou com vídeos que o incêndio não começou dentro da área sob o controle da Empresa e sim antes dessa área e com o vento alcançou a área da Empresa. 

A Prefeita andou por toda a área juntamente com os bombeiros e representantes da Comunidade. 

Só saiu de lá quando teve o aceno de segurança por parte dos Coronéis que estava tudo controlado. 

A mobilização nas repartições da Prefeitura de Lauro de Freitas envolveu a disponibilização de escolas, creches e CRAS como abrigos para as famílias afetadas pela fumaça. Além disso, foram acionadas retroescavadeiras e outros maquinários para revirar o terreno e extinguir as chamas que se encontravam no aterro. Além disso, uma equipe de saúde está presente no local para lidar com situações de emergência, com a disponibilização de ambulância.

Social 

Equipes de proteção social básica, do Serviço Especializado em Abordagem Social e do Bolsa Aluguel da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Cidadania realizaram abordagens sociais às famílias que vivem na região próxima ao aterro de Quingoma. Na ação, foram identificados 32 núcleos familiares na área, totalizando 34 crianças, quatro idosos, quatro pessoas com deficiência e 35 adultos. Apesar da presença de fumaça e da atuação das equipes de bombeiros, as estruturas das residências não haviam sido afetadas.

Durante as abordagens com as famílias afetadas, os moradores relataram que estavam sofrendo os efeitos da inalação da fumaça, com sintomas de gripe e cansaço. A equipe prontamente ofereceu abrigo de emergência a todos os núcleos familiares impactados pela situação e propôs a inclusão no programa Bolsa Aluguel, que faz parte das garantias do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e é destinado a cidadãos e famílias em situações temporárias de vulnerabilidade. No entanto, as famílias optaram por não serem realocadas imediatamente para abrigos temporários.

Tanto o Corpo de Bombeiros como a Prefeitura continuarão acompanhando tudo e mantendo os moradores informados, através de uma Comissão que foi escolhida lá na hora pra cumprir esse papel junto à Prefeitura e à Comunidade.

Texto – Laerte Santana 

Foto – Danilo Magalhães e Wandaick Costa 

SUPCOM PMLF – Superintendência de Comunicação de Lauro de Freitas

www.laurodefreitas.ba.gov.br

TEL.: (71) 3288-8371

Aladim Locutor

Leave a reply