Profissionais de saúde de Lauro de Freitas recebem treinamento sobre Infarto Agudo de Miocárdio

0
206


Em todo o Brasil, aproximadamente 14 milhões de pessoas apresentam alguma doença cardiovascular e, pelo menos, 400 mil morrem por ano, o que corresponde a cerca de 30% das mortes no país. Com intuito de aprimorar os atendimentos de urgências e emergências prestados no município, a Secretaria de Saúde, em parceria com o Projeto Sprint, organizou um treinamento para os profissionais de enfermagem e medicina. A atividade foi iniciada nesta terça-feira (23) e ocorre até amanhã (25), na Faculdade Unime. O treinamento está sendo conduzido por Adriano Silva, enfermeiro e educador científico da Allm inc. Entre os assuntos abordados, estão os cuidados para os pacientes com suspeita de Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), derivações consecutivas, análise de eletrocardiograma, tratamento, entre outros pontos importantes. “A atividade foi excelente. No dia a dia, o profissional fica muito pautado nas tarefas repetitivas. Então é necessário criar esses momentos para que tenham empatia com o paciente e entendam que desempenham um papel fundamental”, comentou. Na oportunidade, também estão sendo realizadas algumas atividades práticas para que os profissionais possam compreender melhor as informações. Eduardo Freitas, técnico de enfermagem, trabalha no SAMU de Lauro de Freitas. Ele fez questão de participar da dinâmica sobre o desenvolvimento de um infarto. “Achei muito boa a ideia. São conhecimentos importantes para que possamos oferecer à população um melhor atendimento. Foi muito proveitoso”. A Superintendente de Saúde Especializada, Ilyana Faria, explica que a atividade, além de ampliar o conhecimento das equipes, busca promover a integração presencial, que foi bastante prejudicada durante o período de restrições da pandemia.  “São momentos de muita informação e socialização. As equipes precisam estar conscientes que o infarto é uma doença que mata e dentro do Pronto-Atendimento, ele tem um tempo determinado para ser atendido. O paciente precisa ser priorizado”, disse. 

Jornalista: Iana SilvaFoto: Maína DinizSUPCOM PMLF – Superintendência de Comunicação de Lauro de Freitaswww.laurodefreitas.ba.gov.brTEL.: (71) 3288-8371

Aladim Locutor

Leave a reply