0
166

Prestes a comemorar 25 anos, o grupo Cultural Bambolê é um grupo Sócio Cultural sem fins lucrativos que tem o objetivo do exercício da cidadania através da cultura. O projeto “Oficinas de Artes Circences” foi inscrito e aprovado para o Edital Paulo Gustavo Bahia – PG10/2023 – Apoio às Artes – Lia da Silveira – CIRCO, com o intuito de atender a comunidade local de Vila Praiana e adjacências através de oficinas simultâneas de vários tipos de artes circences. Em sua programação, temos mais de 7 cursos, como malabares de bola, malabares de bastão, equilibrismo, prato de equilíbrio, perna de pau, monociclo, swing Poi, lenço, acrobacia, contorcionismo, saltos e musicalização. O projeto atingiu a meta de cerca de 100 alunos inscritos, crianças e adolescentes de 6 a 15 anos teve uma ótima recepção do público, incluindo a parte de ações inclusivas do projeto, como intérprete de libras, audiodescrição e professor PCD (Márcio di Carvalho) apresentando a oficina de musicalização. No dia 25 de Maio, às 15h na Escola Municipal da Vila Praiana em Vila Praiana, Lauro de Freitas – Bahia será apresentado o Gran Circo Junino, com demonstração de habilidades circences aprendidas nas oficinas. Após 24 anos veio o grande reconhecimento da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, aprovando estas oficinas, trazendo assim a difusão da arte circense na comunidade carente. Mestre Artêmio da Luz é coordenador geral do projeto que atua em prol da infânciajuventude, é ator, professor, mestre da cultura popular, Dr. Honoris Causa em Cultura, Arte e Gestão de Direitos Humanos, e diretor responsável do Grupo Cultural Bambolê, patrimônio cultural imaterial da cidade de Lauro de Freitas. “Estamos muito alegres, desenvolvemos várias oficinas aqui, e o dia foi maravilhoso.” Ressalta Mestre Artêmio. “O projeto Bambolê é uma oportunidade para todas as crianças da comunidade de Vila Praiana e do entorno, é uma chance das pessoas terem contato com a cultura. Eu sou muito feliz que a minha filha está aqui.” Conclui mãe da aluna Thainá, a senhora Débora Moreira. Este projeto foi contemplado nos Editais da Paulo Gustavo Bahia e tem apoio f inanceiro do Governo do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura via Lei Paulo Gustavo, direcionada pelo Ministério da Cultura, Governo Federal. Paulo Gustavo Bahia (PGBA) foi criada para a efetivação das ações emergenciais de apoio ao setor cultural, visando cumprir a Lei Complementar no 195, de 8 de julho de 2022.

Aladim Locutor

Leave a reply