Caminhada do Outubro Rosa, na Itinga, alerta para os cuidados com a saúde feminina

0
200

Este sábado (28) ensolarado foi o cenário perfeito para que centenas de servidores e usuários dos equipamentos da rede SUS de Lauro de Freitas fossem às ruas da Itinga chamar a atenção para os cuidados preventivos da saúde feminina. Com faixas, balões e vestindo cor-de-rosa, a mobilização lembrou que prevenir o câncer de mama e de colo do útero é rápido, simples e necessário para ampliar as chances de cura.

De acordo com o secretário municipal de Saúde (SESA), Augusto César Pereira, a iniciativa encerra simbolicamente a intensificação de consultas, exames, orientações e cuidados específicos da campanha do Outubro Rosa. O gestor conta que durante este mês, todas as Unidades de Saúde da Família foram inseridas na ‘Blitz Rosa’. O projeto, inédito no município, levou um ônibus equipado com mamógrafo e equipe médica para realização de exames de imagem nos postos.

Até o momento, já foram atendidas mais de 600 mulheres na ‘Blitz Rosa’. A previsão é de que até o final da campanha esse número alcance a meta de mil atendimentos. “Lauro de Freitas tem uma gestão que se preocupa com a saúde das mulheres. Então, nós estamos convidando esse público, para que venha se cuidar e fazer seus exames, pois quando descoberta a tempo, a doença tem mais de 40% de chances de cura”, alertou César.

Enquanto a mobilização passava pelas ruas alertando as mulheres, no Complexo Municipal de saúde, as portas estavam abertas para receber mais de 300 pacientes que foram à unidade realizar exames de eletrocardiograma, mamografias e preventivos no ‘Mutirão Rosa’. “Tivemos atendimentos que já estavam agendados nas USFs e vagas para atender a demanda espontânea. As mulheres que fizeram o exame no Complexo irão retirar no próprio equipamento o resultado daqui a trinta dias. Casos considerados suspeitos serão encaminhados para dar sequência ao diagnóstico e tratamento”, explica o coordenador do Complexo, Victor Pereira.

Dona Teresinha Araújo, 75 anos, não perdeu tempo quando soube através de sua Agente Comunitária de Saúde do ‘Mutirão Rosa’. A idosa contou que não descuida e que todos os anos realiza o exame. “Eu sou muito cuidadosa com minha saúde, além de prestar atenção na minha alimentação, mantenho meus exames atualizados. Não deixo de fazer minha mamografia anualmente”, contou a aposentada ao lado da filha, Joselice Araújo, de 57 anos, que também aproveitou para receber os atendimentos. “Aprendi a prevenir com minha mãe e passo para meus filhos também”, afirmou.

Enquanto aguardavam, as mulheres com idade acima de 40 anos, assistiram a palestra ministrada pelas estudantes de enfermagem da Unime. As graduandas ensinaram a importância de se perceber e enfatizaram a necessidade da avaliação médica periódica.  “Nossa orientação é de que as mulheres busquem os serviços de saúde, façam os exames de rotina e busquem ter uma alimentação saudável. O autocuidado tem que ser de forma geral”, frisa a professora de enfermagem da Unime, Carmelita Pimentel.

Acompanhando de perto e aliada às ações, a secretária municipal de Política para Mulheres (SPM), Juçara Neves, distribuiu panfletos informativos com orientações sobre alimentos funcionais, o que é o câncer de mama e formas de tratamento. “A SPM tem realizado esse trabalho durante todo o ano, levando palestras para locais de grande fluxo com orientações sobre a doença. E temos contado com o apoio da SESA em várias frentes, com um trabalho coeso e em transversalidade”, falou.

Texto – Giovanna Reyner
Foto – Raphael Muller
SUPCOM PMLF – Superintendência de Comunicação de Lauro de Freitas
www.laurodefreitas.ba.gov.br
TEL.: (71) 3288-8371

Aladim Locutor

Leave a reply