População defende melhorias na infraestrutura e saúde no Orçamento Participativo em Portão

0
258


A quinta audiência do Orçamento Participativo 2022 da Prefeitura de Lauro de Freitas, realizada na noite desta quarta-feira (17), em Portão, foi marcada por um debate transparente entre a administração municipal e a população. Entre as intervenções mais requisitadas na escuta, a reforma da Praça de Portão foi o principal pedido de jovens e adultos. Três delegados foram eleitos para acompanhar as demandas do bairro que vão fazer parte do planejamento da Lei Orçamentária Anual (LOA) 2023.Além de sugerir melhorias voltadas às áreas de infraestrutura, saúde, educação, transporte e outros serviços públicos, os moradores do bairro e adjacências puderam acessar dados do local onde mora. De acordo com informações do Cadastro Imobiliário de Lauro de Freitas, representantes da Prefeitura Municipal apresentaram que Portão é a terceira maior área de extensão territorial do município, com 6.277 km², o que representa cerca de 10% do total de mais de 57 mil km² do município. Ainda nos dados, o bairro de Portão possui 5.361 residências cadastradas, 941 estabelecimentos comerciais, entre outros. As informações prestadas pela gestão foram essenciais para os moradores pensarem as demandas do bairro de modo mais eficiente. Na oitiva, que reuniu a população na Escola Municipal Félix Cardoso de Araújo, também foram apontadas as necessidades de atendimento 24h de saúde, módulo policial na praça, reforma de áreas de lazer, pavimentação, agentes de saúde para áreas descobertas e outros.A prefeita Moema Gramacho avaliou o debate de sugestões com a população como produtivo. “Temos essa prática de ouvir o povo, para pensar a melhor maneira de aplicar os recursos públicos, desde 2005. Tudo o que foi sugerido pela a população foi anotado pela Prefeitura, para que possamos analisar como iremos atender às demandas. Além disso, tiramos os delegados que vão fazer a ponte entre os moradores e a gestão, no acompanhamento das ações, e que se soma às interlocuções dos vereadores”, ressaltou.Morador recente de Portão, Celso Ribeiro mudou de São Paulo para Lauro de Freitas há cerca de quatro meses. Ele destaca que o bairro é muito acolhedor e por isso fez questão de participar da audiência. “Eu já andei aqui pelo bairro e percebi que existem muitos espaços de lazer bons e que merecem reformas. Outra questão, seria interessante que fosse construída uma ciclovia que ligue o bairro a Estrada do Coco. Também se faz necessário a implantação de um comitê técnico de saúde da população negra, assim como uma renovação da literatura nas escolas, que atenda a história da África”, pontuou o morador eleito um dos delegados.  Outra moradora, da localidade de Vila Nova de Portão, Laurinda destacou a necessidade de melhoria na frota de transportes. “Precisamos de mais conduções alternativas, para os pais e mães que precisam ir trabalhar, e para os estudantes da rede estadual. Também é interessante que tenhamos a presença da Guarda Municipal na Praça principal, para dar mais segurança aos comerciantes e aos jovens”, disse. Vale ressaltar que demandas sugeridas pela população, que já existem projetos em curso por parte da Prefeitura, foram debatidas com encaminhamentos. 

Texto Laerte SantanaFoto Rafael MagnoSUPCOM PMLF – Superintendência de Comunicação de Lauro de Freitaswww.laurodefreitas.ba.gov.brTEL.: (71) 3288-8371

Aladim Locutor

Leave a reply