Trabalhadores dos Correios se filiam ao PT Bahia

0
243

Quase 100 trabalhadores dos Correios integrantes do Sincotelba (Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafo) se filiaram ao Partido dos Trabalhadores da Bahia nesta quinta-feira, 23, na sede do sindicato, localizado em Salvador, que reuniu funcionários, dirigentes do PT Bahia e o deputado federal Zé Neto. Os novos filiados e dirigentes da associação destacaram que a filiação da classe à legenda se dá pelas afinidades das bandeiras de defesa social e também para fortalecer a luta da categoria.

Presente no ato, o presidente do PT Bahia, Éden Valadares destacou que a chegada dos novos filiados era motivo de “orgulho”. “Hoje é dia de celebrar, de comemorar, é dia de orgulho para nós do PT. Cada um e cada uma de vocês que hoje formaliza a filiação ao PT – na verdade, vocês estão fazendo um processo de formalização porque vocês já carregam o suor na labuta, na lágrima, no dia a dia de vocês o petismo, a luta da classe trabalhadora. Mas é um ato importantíssimo porque vocês formalizam o engajamento na luta”, destacou Éden.

O dirigente estadual do PT Bahia disse ainda que a filiação é um ato de reconhecimento dos Trabalhadores dos Correios à bandeira de defesa PT. “O presidente Lula desafiou o povo brasileiro a dizer que a classe trabalhadora, que cada homem e mulher, com seu próprio suor, que sustenta e constrói esse país tinha que retomar as rédeas da história na sua mão. Ninguém mais vai falar por nós, ninguém mais vai falar por vocês senão cada um e cada uma aqui. É isso que o PT é: um grito de emancipação, de independência e de autonomia da classe trabalhadora”, destacou o presidente.

O presidente da Sincotelba, Josué Canto, falou sobre a importância da filiação para a categoria. “O que nos motivou, nós trabalhadores dos Correios e hoje os dirigentes do Sincotelba termos feito esse trabalho político, é de difundir o projeto político de esquerda, o projeto que o PT e a esquerda têm para a sociedade. Nossa intenção é construir um trabalho político mais forte perante toda a categoria, difundir as defesas do social, da saúde, da educação e mostrar até para a sociedade, dentro dos Correios e fora dos Correios, que é através de tomar uma posição partidária, de escolher o seu partido ideal que defenda o trabalhador para que possamos crescer como projeto político nacional”.

— Ascom PT Bahia
Foto: Divulgação

Aladim Locutor

Leave a reply